O 52 marca toda uma nova era no design dos catamarãs de cruzeiro, como sucedia com o seu antecessor, o famoso 500.

Com proa vertical em forma de losango e cascos biselados, tem como que uma cabina de convés a levitar e uma plataforma alta. O 52 não é um catamarã vulgar, mas a sua originalidade vai bem mais longe do que o seu mero aspeto “exterior”, ou mesmo que a sua disposição interior.

Este Lagoon resulta de longas discussões entre os arquitetos da Van Peteghem-Lauriot Prévost (VPLP), a firma de design italiana Nauta e o departamento de design da Lagoon. Estas discussões levaram-nos a tomar certas opções importantes e, por vezes, radicais, mantendo a fidelidade àquilo em que acreditamos, em termos de elegância, conforto, segurança, facilidade de utilização e, não é preciso dizer, desempenho à vela.

O 52 está agoa disponível em 2 versões: Passadiço ou SporTop.


52 : luxuoso e contemporâneo 

  • materiais nobres e luxuosos, com tons suaves num interior harmonioso
  • linhas horizontais contínuas e fluidas dão espaços abertos e generosos ao interior
  • continuidade entre vida exterior e interior
  • design exterior elegante garante um barco com forte caráter

Experiência Lagoon 

  • moldagem por infusão para maior poupança de peso (importante num catamarã), estrutura ótima, e maior proteção do ambiente e dos construtores
  • madeiramento interior em madeira reconstituída Alpi®, uma fonte sustentável
  • vidros verticais para melhor proteção contra o sol e espaço e altura ótimos
  • ponte do convés do tipo gaivota para maior conforto em mar encrespado
  • vasta gama de disposições à escolha incluindo 3, 4, 5 ou 6 cabinas, com respetivamente 3, 4 ou 5 sanitários
  • Design VPLP: garantia de bom desempenho à vela!

 

Exterior: elegância, conforto e segurança

  • o acesso ao barco faz-se via travessas abertas à ré, facilitando o embarque e o desembarque
  • conveses laterais amplos, com portas de convés recuadas
  • a cabina de comando está nivelada com o salão, e tem uma zona exterior de lounge e solário a estibordo
  • o acesso ao passadiço faz-se por uma escadaria que parte da cabina de comando, ou por outra que parte do convés do lado estibordo
  • o leme pode ser ajustado em três posições diferentes (estibordo, centro ou bombordo), dando ao skipper visibilidade perfeita à vela ou ao manobrar

Cordame: desempenho e utilização fácil 

 

A decisão de situar o mastro mais à ré resulta diretamente da experiência de regatas dos designers e tem muitas vantagens num catamarã de cruzeiro:

  • um vasto triângulo frontal permite uma escolha de velas mais vasta: uma garantia de grande desempenho
  • a retranca mais curta torna a vela grande muito mais fácil de manobrar
  • a vela grande, que é relativamente mais estreita e mais alta, beneficia de melhores ventos no topo, reforçando o desempenho
  • ao recentrar o peso desta forma, reduz-se consideravelmente a oscilação vertical

 

Interiores: conforto, espaço, luz…

  • o salão inclui um lounge e mesa de jantar a estibordo, uma vasta galera em forma de «U» a bombordo e mesa de mapas ao meio, voltada para o mar.
  • a galera em “U” está equipada com placas de fogão amplas, espaço de trabalho amplo e muita arrumação
  • a circulação no salão é otimizada, entre o lounge e a galera
  • todos os camarotes têm grandes camas de casal, espaço de arrumação de acordo com o programa de navegação ao largo do barco e, é claro, uma casa de banho de suite com duche separado
  • os camarotes têm luz natural incomparável graças às janelas fixas do casco e à excelente ventilação garantida pelas portas e escotilhas do convés que abrem para o lado do casco ou à cabina de comando